Dicas e Turismo

Um passeio de trem cheio de lazer e cultura

Você sabia que existe uma série de estabelecimentos que pode entreter você e toda sua família bem perto das estações de trem e metrô?

Isso mesmo, você acaba poupando tempo naquele trânsito caótico e ainda curti a viagem com sua família ou amigos.

Não precisa se preocupar também em achar aquela vaga quase inesistente nos estacionamentos ou ruas.

Vou deixar aqui uma lista de museus, parques e afins que você pode visitar apenas saindo das estações a baixo. Esse é um trabalho muito importante que a CPTM desenvolveu. Veja mais informações no site da CPTM.

Estação da Luz

Descendo na Estação da Luz você poderá visitar:

Museu da Língua Portuguesa
De arquitetura arrojada, o museu convida seus visitantes a uma viagem sensorial e interativa para compreender a nossa língua portuguesa. Exposições de escritores importantes são frequentes na programação do museu. Ainda uma vantagem: esse museu fica dentro da Estação da Luz.
www.museudalinguaportuguesa.org.br.

Pinacoteca
Um dos mais antios museus de artes plásticas de São Paulo. Encontra-se em frente a Estação da Luz. É considerado hoje um dos melhores lugares para exposições nacionais e internacionais da cidade. Sua coleção abrange obras do modernismo e arte brasileira.
www.pinacoteca.org.br.

Museu de Arte Sacra
Monumento da arquitetura colonial de grande valor para São Paulo com mais de 4 mil obras entre arte sacra, livros raros e outros. Basta atravessar a Avenida Tiradentes que você chega lá.
www.museuartesacra.org.br.

Estação Barra Funda

Memorial da América Latina
São 84 mil metros quadradros de uma arquitetura inigualável criada por Oscar Niemayer. O espaço destinado a cultura e à arte do povo da América Latina com obras de artistas importantes. Possui uma programação bem variada e lúdica.
www.memorial.sp.gov.br.

Estação Cidade Jardim

Museu da Casa Brasileira
Expõe exemplares do mobiliário dos séculos XVII ao XXI, enquanto, paralelamente, abre espaço para mostras temporárias do que se produz na atualidade em objetos e design pelos quatro cantos do Brasil e do mundo. Encontra-se a dois quarterões da estação.
www.mcb.sp.gov.br.

Estação Júlio Prestes

Sala São Paulo
Espaço destinado à apresentação de orquestras sinfônicas inaugurada em 1999. É a sede da Orquestra Sinfônica do Estado de são Paulo. Você pode ainda realizar uma visita monitorada à Sala. Veja no site valores e horários de visita.
www.osesp.art.br.

Estação Brás

Memorial do Imigrante
Criada em 1998 o memorial reuni, preserva, pesquisa, documenta e divulga a chegada dos imigrantes no Estado de São Paulo à partir de 1820. Fica ao lado da Estação Bresser do metrô com acesso pelo Brás.
www.memorialdoimigrante.org.br.

Estação Ipiranga

Museu do Ipiranga
O Museu do Ipiranga ou o Museu Paulista da Universidade de São Paulo reune um acervo de mais de 125 mil obras entre quadros, documentos, objetos desde 1600 até o século XX. Encontra-se a mais ou menos seis quadras do metrô.
www.mp.usp.br.

Estação Estudantes

Sabaúna
Para quem curti a natureza, que tal passeio de bicicleta até o Distrito de Sabaúna, em Mogi das Cruzes, pela estrada de terra que margeia as vias da antiga Central do Brasil. É possível visitar a antiga estação, construída no século XIX, feiras de artesanato e admirar as cachoeiras e trilhas que dividem as serras do Mar e da Mantiqueira.
Para chegar lá, basta descer na Estação Estudantes, seguir pelo asfalto até a av. Francisco Rodrigues Filho (Estrada Mogi-Guararema) e depois passar por uma estrada de terra a partir da antiga Estação César de Souza, por cerca de 6 km.

Estação Jundiaí

Jundiaí
Outro possível passeio de bicicleta com várias atrações como o museu ferroviário da Cia. Paulista, pertinho da estação da CPTM, a Serra do Japi e o roteiro do Circuito das Frutas.

hotel Veja aqui hotéis em Jundiaí.

Estação Rio Grande da Serra

Paranapiacaba
Perto da Estação Rio Grande da Serra. Existem ônibus que vão para o local. A cidade foi desenvolvida pelos ingleses que vieram para cá para construir a ferrovia Santos-Jundiaí. Clima pitoresco e comida caseira
atraem os turistas para lá. Os visitantes podem visitar o museu ferroviário e as paisagens naturais.
Basta desembarcar em Rio Grande da Serra, comprar as passagens dos ônibus, que levam até a entrada de Paranapiacaba com desconto. De carro a viagem demora uma hora e meia e de trem apenas 55 minutos.

hotel Veja aqui hotéis em Paranapiacaba.

hotel Veja aqui hotéis em São Paulo.


Seja o primeiro a comentar

Ninguem comentou ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Comente aqui

twitter

Me on Google+