Dicas e Turismo

Maragogi, Alagoas

Viajamos para Maragogi no início de setembro de 2016. Tínhamos passado por Jeri, voamos para Maceió e lá alugamos um carro.

Foi nossa primeira vez nesse destino e não sabíamos ao certo como era esse lugar a não ser pelas piscinas naturais que vemos sempre naquelas lindas fotos pela internet. E para nossa surpresa, ao chegar lá, descobrimos outros belíssimos pontos para descansar e apreciar aquele mar com sua cor maravilhosa.

Seguem abaixo algumas informações e dicas de Maragogi.

Onde fica

Maragogi é um município que faz parte do estado de Alagoas. Encontra-se a cerca de 130Km de Maceió, dependendo da estrada que você escolher para fazer esse percurso.

É um destino litorâneo com belíssimas praias para conhecer além das piscinas naturais.

Como chegar em Maragogi

Para chegar até Maragogi, a forma mais convencional seria desembarcar no aeroporto de Maceió, Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares, cuja sigla é MCZ. De lá, você precisa escolher um meio de transporte terrestre para chegar a Maragogi.

Uma dessas opções é a de contratar uma agência de passeios que faz um tour de um dia para esse destino. Um bate e volta. Existem muitas agências que prestam esse serviço em Maceió.

Outra opção é com uma empresa de ônibus rodoviário Real Alagoas que realiza viagens de Maceió a Recife pelo litoral. Maragogi fica praticamente no meio do percurso, a cerca de 2:30h de viagem a partir da capital alagoana. Os ônibus saem da rodoviária da cidade.

No site da Real Alagoas (www.realalagoas.com.br) não aparece a opção de Maragogi como destino, mas em contato com esta empresa via e-mail nos disseram que para Maragogi a compra tem que ser feita no guichê ou pode pagar ao cobrador no ônibus. As saídas são às 4:15h e 11h e o valor é de 25,70 reais.

A opção que escolhemos para esse deslocamento foi com carro alugado. Assim que chegamos no aeroporto de Maceió nos dirigimos ao balcão de atendimento da Hertz (www.hertz.com.br), próximo a área de desembarque e o rapaz que ali estava nos levou até o carro que usaríamos. A reserva foi feita com antecedência.

Por último, existe ainda a opção com saída de Recife, caso você chegue pela capital de Pernambuco. A distância é de aproximadamente 140Km.

Se for de ônibus ou excursão, muito provavelmente você fará uma rota mais distante do litoral para que o trajeto seja mais rápido, entre as AL-101 e AL-105. Se tiver com um carro alugado, ainda que seja um caminho mais longo e demorado (por conta do limite de velocidade das vias), poderá fazer a maior parte pela AL-101, pelo litoral.

A grande vantagem de fazer esse percurso pelo litoral, é que você terá a oportunidade e a liberdade de parar em algumas lindas praias que estarão no caminho.

Maragogi - Clima
Clima

De maneira geral o clima de Maragogi é do tipo Tropical quente e úmido. A temperatura mínima no inverno é de 20ºC e a máxima no verão, 30ºC. O verão, por conta da luminosidade é quando as águas ficam mais cristalinas. E os meses entre abril e julho é quando acontece a maior incidência de chuva na região.

Aqui você consegue ver os dados do clima e definir quando ir para Maragogi (www.climatempo.com.br) e aqui você encontra informações da tábua de marés (www.maragogionline.com.br).

Entre os dias 3 e 6 de setembro, datas de nossa viagem, os dias amanheceram nublado, mas logo o sol saiu. Estava calor e ocorreram algumas pancadas de chuva à tarde. Mas duravam uns 5 minutos e depois ficava apenas nublado. Até as 15h deu para aproveitar bem o dia.

Entretanto, os pontos mais relevantes para planejar sua viagem são: sol e maré. Esses são os fatores que irão garantir uma boa experiência nesse destino.

Sol, porque quanto mais a luz incidir sobre o mar, mais ele ficará com aquela cor maravilhosa que você vê nas fotos de divulgação do destino. Um verde claro luminoso, um verde caribenho.

A maré, porque a visita às piscinas naturais de Maragogi vai depender do quão baixa ela vai estar. E leve isso à sério! Eu achava que não era algo tão relevante, mas é sim. Se estiver alta, esses passeios não irão acontecer.

Como se locomover

Como tínhamos alugado nosso carro com a Hertz, esse foi o meio que utilizamos para nos deslocar entre uma praia e outra. Obviamente existem ônibus públicos por lá, mas não era algo que vi os turistas utilizando.

Um casal hospedado na mesma pousada onde estávamos disse que quando precisavam, chamavam um taxi para ir de um ponto ao outro.

Mas definitivamente estar com um carro alugado é a melhor opção!

Maragogi - Onde Ficar
Onde ficar

Maragogi é uma cidadezinha bem simples. Me lembrou uma pouco as pequenas cidades do interior de São Paulo.

No centro de Maragogi, próximo a praia central, vai encontrar muitas opções de hospedagem. Existem algumas também às margens da rodovia, o que não será um problema para quem estiver de carro. Mas nós decidimos ficar um pouco mais afastados do centro.

A cerca de 5Km do centro de Maragogi você encontra o bairro de Barra Grande. Assim que você sair da rodovia, passa por uma rua de terra e em menos de 1Km chega à Pousada Sol e Mar – pousadasolemar.com.br.

Aqui você fica sabendo como foi a nossa experiência na Pousada Sol e Mar – www.dicaseturismo.com.br/onde-ficar-em-maragogi

Onde comer

Como a nossa pousada oferecia um restaurante grande e com muitas opções no cardápio, quando precisamos jantar, fizemos a nossa refeição ali mesmo. Mas dependendo de como organizar o seu dia, pode ser que você nem faça a última refeição e eu explico porque.

Acordávamos cedo para aproveitar o dia e tomávamos um reforçado café da manhã em nossa pousada. É fato que você sempre vai levar uns salgadinhos e bebidas na bolsa para fazer um lanchinho. Sendo assim vai sentir fome por volta das 15h.

Em muitas das praias de Maragogi você vai encontrar algum restaurante. E eles servem pratos grandes. Quase sempre servem 2 pessoas. Dessa forma você vai se empanturrar tanto, que não conseguirá nem jantar.

Mas se ainda assim precisar, no centro de Maragogi, na beira da praia, existem algumas opções de restaurantes. É só ir até lá e escolher!

O que fazer em Maragogi

Agora te conto um pouco do que fizemos em Maragogi quando estávamos por lá. Foi uma viagem de 4 dias sendo 2 dias inteiros no destino e 2 de deslocamento.

Maragogi - Piscinas Naturais

Piscinas Naturais

Vamos começar logo pelo maior atrativo do destino que são as piscinas de Maragogi. Existem três delas credenciadas, fiscalizadas e que podem receber as lanchas e catamarãs trazendo turistas.

A mais famosa e recomendada são as Galés. Foi ali que fizemos esse passeio e gostamos muito. A maré não estava tão baixa mais ainda em um nível que aceitava visitação. Fizemos snorkel e mergulho e vimos sim lindos peixinhos.

O mergulho com cilindro foi algo que não estava no roteiro. Foi uma surpresa que ganhamos da Maragogi Divers e assim que escrevermos o post, colocamos aqui.

Outras duas piscinas são a de Barra Grande e Taocas. Para essas duas, não tivemos tempo de fazer o passeio. Mas dizem também que são muito bonitas.

Em algumas praias que visitamos alguns barqueiros ofereciam passeios para piscinas naturais, mas não eram nas credenciadas.

Maragogi - Praia de Barra Grande

Praia de Barra Grande

Ficar nessa região foi uma ótima escolha pois a Praia de Barra Grande, a pouquíssimos passos da Pousada Sol e Mar era uma praia linda e muito tranquila.

A praia central de Maragogi não é lá aquelas coisas. Mas é de onde saem os passeios para as piscinas naturais. Existe estrutura para pegar sol e tomar banho de mar, barracas que servem bebidas e comidas, mas não é o ponto que mais gostei.

Já a praia de Barra Grande, não tinha barracas e quiosques, mas era tudo que precisava para descansar e tomar sol sossegada. Sem contar que nessa mesma faixa de areia, pode seguir caminhando para conhecer outras praias.

Conversando com algumas pessoas da pousada, entendemos o porquê dessa tranquilidade. Esse bairro é onde geralmente pessoas que moram em Recife tem suas casas de veraneio. Acredito que no verão deve ficar mais movimentado, mas em setembro, estava bem tranquila.

Maragogi - Praia de Antunes

Praia do Antunes

Um achado! Caminhando pela faixa de areia, a partir de Barra Grande, descobrimos essa praia, a qual consideramos a mais bonita entre todas as que visitamos. Ali você encontra uma barraca, o Bar do Antunes, que serve bebidas e alguns pratos como camarão frito. Mas o mais legal foi que encontramos um cantinho especial para fazer snorkel.

Compramos nossas máscaras antes de viajar. E nessa praia, ao pisar no mar, você caminha cerca de 1Km adentro e chega aos recifes. Eles formam pequenas piscinas naturais onde conseguimos entrar nelas e ver peixes mais variados do que aqueles que vimos nas Galés. Foi muito legal!

Apenas leve seus chinelos pois é um pouco desconfortável caminhar sobre os recifes, descalço.

Maragogi - Praias

Outras praias

Existem ainda muitas outras praias por lá. Seguindo pela Antunes, você passa pela Praia de Xaréu, Ponta do Mangue e Praia de Peroba. Essas foram as praias que visitamos. Para as últimas duas fomos de carro pois estava mais distante da pousada.

Praia de Burgalhau, Praia de São Bento, Praia do Boqueirão, do Camacho e Praia do Patacho, são outras praias que valem a visita caso você tenha mais dias à disposição em seu roteiro.

Na Praia do Burgalhau tem um Beach Club chamado Pontal do Maragogi. Você paga pelo Day Use e tem uma infraestrutura bem interessante para passar o dia. Vimos no site que para os meses de setembro e outubro o Day Use é gratuito e em períodos não promocionais é de 20 reais.

Passeios

Você pode também contratar alguns passeios de buggys e quadriciclos que fazem seus percursos pelas praias. São roteiros ao sul e ao norte de Maragogi.

Esses mesmos roteiros podem ser feitos em lancha e catamarã pelo mar. Perguntamos a um senhor quanto custava e ele nos disse que cobraria 50 reais por pessoa, e o passeio passaria por 5 praias em 1:30h com direito a descer em apenas uma.

Outras visitas diferentes que você poderá fazer são: ruínas do Mosteiro de São Bento, Fazenda Marrecas, mirante de Maragogi, fábrica de bolinho e Goma em São Bento, entre outras.

Dicas

Os passeios serão pagos em dinheiro. Um ou outro vendedor oferecia a opção de pagamento em cartão. Portanto, leve um pouco de dinheiro com você. O passeio às piscinas credenciadas tem o valor de 75 reais tabelado para cada uma, mas os demais passeios, você consegue pechinchar, e muito.

Existem apenas três agências bancarias por lá: Bradesco, Banco do Brasil e Caixa Econômica. E olha que no sábado, fomos ao centro para fazer um saque e duas dessas agências já estavam sem dinheiro disponível.

Bate e volta para Maragogi não é a melhor opção. Se você tem poucos dias disponíveis no seu roteiro, tudo bem. Mas se tiver a oportunidade de passar pelo menos uns 2 dias inteiros por lá, eu recomendo. Assim você consegue desfrutar com mais calma e conhecer outras lindas praias.

Se possível, alugue um carro. Sei que existem passeios de buggy que percorrem as praias de Maragogi, mas você não terá liberdade de ficar naquela que mais gostou por quanto tempo achar necessário.

MARÉ: programe sua viagem quando ela estiver baixa. É possível ver com antecedência como estará o nível e então definir o dia de sua visita. Quanto mais próxima do zero estiver, melhor será a sua experiência. Se estiver acima de 0.6, os passeios não acontecerão mais.

Se tiver poucos dias no destino e for alta temporada, pode ser interessante reservar com antecedência o seu passeio apesar disso tirar um pouco a oportunidade de pechinchar!

Links externos

www.maragogionline.com.br
visitemaragogi.com.br


Seja o primeiro a comentar

Ninguem comentou ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Comente aqui

hoteis-booking





pesquise hotéis

pesquise passagens

videos

onde fica

    veja também

  1. Onde ficar em Maragogi
  2. Maceió e Maragogi de carro
  3. Piscinas naturais e Mergulho em Maragogi
  4. Maceió, Alagoas
  5. Passeio de Escuna em Santos

twitter

Me on Google+