Dicas e Turismo

Lagunas Altiplanicas, Atacama

Esse foi o passeio, cujas fotos que encontrei pela internet, me motivaram a conhecer o grande e enigmático Deserto do Atacama. Duvida? Segue então, abaixo, um tutorial de como ficar com vontade de fazer as malas e ir para o Atacama:

1º Abra o bom e velho Google
2º Selecione a busca por imagens
3º Digite “Atacama”
4º Pegue seu cartão de crédito, acesse o site de uma companhia aérea ou agência online e compre seus ingressos para esse lugar.
PS: Recomendável levar muitos cartões de memória para sua máquina!!!

Beleza! Já te convenci de que esse cenário é fenomenal, não é? Agora vou contar um pouco sobre como foi esse passeio.

Felizmente, esse era um passeio que começava pela manhã, mas não tão cedo como o passeio aos Géiseres. Dependendo da agência que você escolher, ele terá início entre as 7h e 8h. Algumas conjugam ainda as lagunas com o Salar do Atacama e os povoados de Socaire e Toconao. No nosso caso, além das lagunas, fizemos os dois povoados e uma área de preservação de flamingos.

No dia do nosso tour, a van nos buscou no Ayllu, onde estávamos hospedados e nos levou diretamente para a Laguna Chaxa, uma espécie de reduto nacional dos flamingos, onde, em silêncio, é possível observar três espécies deles: o andino, o chileno e o mais bonito, o de James. Fizemos nosso café da manhã ali e então seguimos para a parte principal, as lagunas!

Lagunas Altiplanicas - Atacama 2

Mais alguns minutos de van e chegamos a primeira delas, a Miscanti. É impressionante a cor de suas águas. Parecia algo surreal o brilho e a coloração. Uma das imagens mais impressionantes que tivemos o privilégio ver em toda nossa viagem ao Atacama.

Lagunas Altiplanicas - Atacama 10

Em seguida, fomos visitar a Laguna Miñiques. Linda também, mas na minha opinião, a primeira ganhava em beleza. Dizem que cerca de 1 milhão de anos atrás, essas lagunas eram uma só. E por conta de uma atividade sísmica, foram separadas pelo Vulcão Meñiques.

Lagunas Altiplanicas - Atacama 13

Depois desse deleite da natureza aos nossos olhos, passamos pelo povoado de Socaire onde pudemos observar um exemplo de plantação de Quinoa, alimento típico da região andina, considerado um dos mais ricos e completos alimentos do mundo. É uma espécie de arroz, parece um tipo integral, que é utilizado como acompanhamento em muitos dos restaurantes de San Pedro de Atacama.

Lagunas Altiplanicas - Atacama 16

Visitamos ainda um igreja que lá existia, e nossa guia nos explicou como a religião católica foi inserida na vida dos atacameños, que até então cultuavam os deuses da natureza, sendo a mais poderosa deles a Pachamama, figura que representava a grande e poderosa mãe natureza.

Os europeus, fizeram uso dessa figura, para introduzir a Virgem Maria. Foi o gancho que eles encontraram para “catequizá-los”. Tanto que, nos altares das igrejas, a figura principal não é Jesus Cristo, e sim a Virgem Maria que faz referência a Pachamama.

E mesmo o crucifixo, muitas vezes no topo das igrejas, não tem o mesmo significado para eles. Segundo nossa guia, quando se pergunta o que é, ou para que serve, eles respondem simplesmente: “para afastar a má sorte”. Interessante, não é?

Mais uma vez subimos em nossa van e fizemos nossa última parada, antes de retornar ao hostel. Fomos ao povoado de Toconao. Maior, com mais habitantes que o povoado anterior e comércio para você comprar alguns snacks ou lembrancinhas.

Lagunas Altiplanicas - Atacama 20

Lagunas Altiplanicas - Atacama

Dica

Vá bem agasalhado, pois as lagunas estão a cerca de 4.200m de altitude e vai estar frio.

Links externos

Fizemos o nosso passeio com a Ayllu Expediciones.


2 Comentarios

Belíssimas fotos!
Parabéns!
Vc tb conheceu Machu Picchu? Gostaria de saber o valor total da sua viagem, vc pode me mandar? Ah, manda todo o seu roteiro tb…
Obrigada

Feito por Tammy — 28 de agosto de 2013 @ 02:00



Olá Tammy, tudo bem?
Nós não chegamos a conhecer Machu Picchu.
E nesse post, você terá acesso a todos os valores:
http://www.dicaseturismo.com.br/quanto-gastar-atacama/
Abraços

Feito por admin — 22 de setembro de 2013 @ 13:14



Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Comente aqui

twitter

Me on Google+