Dicas e Turismo

Usina Binacional de Itaipu

Um dos primeiros passeios que fizemos no Blog Tur Foz (#BlogTurFoz) que aconteceu de 13 à 18 de Março de 2012, foi o tour pela Usina Binacional de Itaipu.

Confesso que não esperava muito desse passeio. Ao contrário, acreditava que seria algo um tanto quanto maçante.

Engano meu!

O passeio me surpreendeu e de forma muito positiva.

Vi e aprendi coisas muito interessantes por lá e vou deixar aqui uma pequena amostra do que foi apresentado a mim e a todos os outros 13 fantásticos blogueiros que a visitaram também.

O que é e onde fica

A Usina de Itaipu é um verdadeiro colosso da engenharia moderna, localizada também na cidade de Foz do Iguaçu e responsável pelo abastecimento de uma significativa parte do território brasileiro.

Eu disse que ela se localiza também em Foz, porque essa usina encontra-se em parte em território brasileiro e outra parte em território paraguaio e pertence, com acordo assinado e tudo, a ambos os países.

Essa foi uma decisão diplomática, tomada em 1966 (assinatura da Ata do Iguaçu) entre ambos os países que desde 1750 disputavam o território do Salto das Sete Quedas.

Isso explica o termo “Binacional” inserido em seu nome.

A usina de Itaipu é a maior usina hidrelétrica em geração de energia no mundo, atualmente.

Com 20 unidades geradoras de energia, responde por cerca de 17% da energia brasileira e quase 73% da energia do Paraguai.

Durante a visitação, observamos algumas linhas que passavam pelo chão da usina em diversos pontos (marcação simbólica).

Usina de Itaipu 2

Essas linhas mostravam onde terminava o território brasileiro e começava o paraguaio.

Isso acontecia inclusive dentro da sala de controle. Quando nos foi apresentado uma situação muito engraçada.

Usina de Itaipu 1

Para começo de conversa, a usina possui o mesmo número de funcionários brasileiros e paraguaios.

Na sala de controle isso acontece também.

De um lado da linha de marcação, você tem os técnicos brasileiros que operam os controles e do outro os paraguaios.

Mas a questão é que apenas uma mesa, ocupada por 1 supervisor, encontrava-se em cima dessa marcação.

Nossa guia nos perguntou quem achávamos que ocupava esse lugar: um brasileiro ou um paraguaio?

Minha resposta foi que talvez fosse o fruto da união de uma brasileira e um paraguaio! :)

E isso seria bem engraçado…

Mas como já esperava, não era bem assim.

Como só poderia ter 1 supervisor, resolveram fazer o seguinte.

Dividiram essa função em 2 períodos. Em um ficava um brasileiro e em outro, um paraguaio.

E assim confirmou-se a regra de que lá é realmente tudo exatamente dividido. Mais binacional do que nunca!

O que ver e fazer

Quando chegamos a usina, a primeira coisa que fizemos foi ir até uma sala para assistir a um vídeo de apresentação.

A sala era como uma sala de cinema e o vídeo que assistimos serviu para nos situar histórica, política e geograficamente sobre sua função e importância da usina.

Logo depois subimos em um ônibus (com copinhos de água gelada à vontade durante todo o percurso) e fomos fazer um tour pelo grande território da usina.

Para começo de conversa, devo dizer que nossa guia era fantástica. Sabia muito, tanto da usina, como de assuntos mais técnicos, cuja explicação era essencial para o entendimento de muitas das coisas que víamos.

Existem 3 tipos de circuitos de visitação que podem ser realizados na Usina de Itaipu.

Usina de Itaipu 3

Visita Institucional

Realizada para grupos escolares, de pesquisa ou empresas.

É uma visita oficial onde é possível conhecer o Canal da Piracema (uma espécie de canal criado para ligar o Rio Paraná a um reservatório cuja função é facilitar a migração dos peixes e sua reprodução), o Vertedouro e outros projetos institucionais da usina.

Usina de Itaipu 4

Visita Panorâmica

Essa visita começa com o documentário que mencionei no início e o percurso é feito à bordo de um ônibus.

Nesse percurso, você terá a oportunidade de ver toda a usina, com suas 20 unidades geradoras de energia a partir de um mirante.

Poderá ver também o vertedouro.

Infelizmente estava fechado durante nossa visita, mas se tiver a oportunidade de vê-lo aberto aproveite.

Isso ocorre quando o reservatório da usina está muito cheio e precisa escoar o excesso da água. Sua abertura é mais freqüente em épocas de chuva (dezembro a fevereiro).

Existe ainda a possibilidade de fazer esse circuito combinado com a visita ao Ecomuseu (histórias da usina e dos acontecimentos no território brasileiro) ou com uma trilha de 2 Km pelo Refúgio Bela Vista (área de proteção ambiental que recebeu os animais desalojados por conta da construção da Usina).

Usina de Itaipu 5

Circuito Especial

Da mesma forma que os outros circuitos, este começa com um documentário e segue-se a bordo do ônibus que mencionei acima. Os guias são bilingües.

Usina de Itaipu 6

Você acabava visitando também o mirante, vendo o vertedouro e depois o reservatório da usina.

Mas o que esse tour tem de tão especial, é que você pode entrar dentro das instalações da usina.

Ver as unidades de energia de perto, podendo tocá-las e sentindo-as tremer com a força das águas que passam por elas.

Entra na chamada Estação Catedral, que é o interior da barragem e leva esse nome, pois ao olhar para cima, a estrutura tem as pontas que lembram o alto de uma catedral.

Depois, você poderá visitar a sala de Comando Central.

Esta é a sala de controle que falei antes e serviu para explicar o quanto tudo lá é bem dividido.

Segue pela estação do Canal de Fuga e Estação Galeria (com 1 Km de extensão, onde é possível ver as tampas das 20 unidades geradoras).

Nós realizamos esse passeio e no final dele, fomos até uma área mais subterrânea e pudemos observar uma turbina que girava pela força das águas que passavam por aquela unidade geradora.

O calor, umidade e barulho eram muito fortes. As câmeras das lentes embaçavam freqüentemente.

Existem também uma série de outros pontos de visitação dentro do Complexo Turístico Itaipu, como: Museu da Terra Guarani, Refúgio Tatí Yupí, Saltos do Rio Monday, Zoológico Regional, Viveiro florestal, Planetário e muitos outros.

E os blogueiros do Blog Tur Foz, em caráter excepcional, pode dar inclusive uma voltinha no veículo elétrico.

Usina de Itaipu 7

Um dos projetos estratégicos de energia da Usina de Itaipu em parceria com a Fiat.

Responsabilidade Social

A Itaipu tem também uma série de projetos sociais que beneficiam crianças, jovens e funcionários.

Um deles pudemos ver com nossos próprios olhos e adoramos a idéia.

Consistia em uma área onde cada funcionário, com mais de 15 anos de empresa, plantava uma árvore. E esta, por sua vez, levava um plaquinha com o nome do funcionário que a plantou.

Existem muitos projetos na área da educação e saúde também.

Futuramente uma universidade, já em obras, funcionará dentro da usina.

Será a Universidade Federal da Integração Latino-Americana, que receberá alunos brasileiros, argentinos e paraguaios.

Para mais informações e detalhes sobre esses projetos, acesse www.itaipu.gov.br

Quando e Quanto

Para saber os preços de visitação dos lugares mencionados acima, bem como o horário de funcionamento dos circuitos, acesse o site www.turismoitaipu.com.br

Você pode inclusive comprar seus ingressos por lá.

Contato

Usina Hidrelétrica de Itaipu
www.itaipu.gov.br

Av. Tancredo Neves, 6.731
85856-970  Foz do Iguaçu, Paraná, Brasil
Tel.: (45) 3520-5252

Dicas

Em muitos dos passeios acima existem restrições com relação a idade do visitante e algumas vestimentas.

Chinelos, saias e shorts curtos não são permitidos em alguns circuitos.

O uso de capacetes de segurança em algumas das estações visitadas, também é obrigatório.

Links externos

www.turismoitaipu.com.br
www.itaipu.gov.br

Participaram do 2º BlogTurFoz de 13 a 18 de Março de 2012

Os Blogueiros

Alexandra Aranovich (Destemperadinhos e Café Viagem)
Anna Martinelli (Finestrino)
Beatriz Mignolo (Viaje no Detalhe)
Cidilan da Apresentação (Se Pluga no Mundo)
Clarissa Comim (Viagem e Viagens)
Daniella Mendes (Dicas e Turismo)
Gleiber Oliveira (Andarilhos do Mundo)
Jonathan Pádua (Eu Vou de Mochila)
Luiz Jr (Boa Viagem)
Marcos Coqs (Blog Viajão)
Maurício Oliveira (Aventureiros)
Monique Ribeiro (Diário Radical)
Roberta Martins (Territórios)
Vivian Dornelles (Dicas de Viagem).

Os Parceiros Churrascaria Rafain Show – CityTour Histórico – Hotel Águas do Iguaçu – Restaurante Bufalo Branco – Cataratas do Iguaçu – Trilha do Poço Preto – Macuco EcoAventura – Restaurante Porto Canoas – Parque das Aves – Cataratas Argentina – Iguazú Argentina – Restaurante La Selva – Gran Aventura – Iguassu Jungle Explorer – Shopping Del Este – SAX Department – Dutty Free Shop Argentina – Restaurante El Quincho Del Tio Querido – Rafain Chopp – Woods – Cataratas JL Shopping

Realização

Trilhas e Aventuras e Loumar Turismo em Foz do Iguaçu.

Patrocínio

Hotel Bella Italia e Itaipu Binacional.

Apoio

Gol Linhas Aéreas Inteligentes.

Apoiadores

Moleco
Pulp Edições
Zupper Viagens

Dica:

Saiba mais sobre o Projeto BlogTur e leve essa Ação de Marketing de Turismo para promover o seu destino nas Mídias Sociais. Acompanhe tudo pelo Twitter através da Hashtag #BlogTurFoz e curta a Fanpage do BlogTur no Facebook.


Seja o primeiro a comentar

Ninguem comentou ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Comente aqui

twitter

Me on Google+