Dicas e Turismo

6 dicas para economizar nas viagens

Chegou a hora de tomar coragem e fazer de vez aquela viagem. A desculpa de que não tem dinheiro para viajar e vender as férias no trabalho está ficando ultrapassada. Foi-se o tempo em que economizar em viagem era sinônimo de abrir mão das mordomias e qualidade dos passeios. Hoje, é possível se hospedar com conforto, comendo bem e se divertindo muito, gastando muito pouco! Basta planejar com antecedência o roteiro, dedicando bastante tempo às buscas pela internet. É no espaço virtual, que se encontram as melhores barganhas e dicas para aproveitar ao máximo a viagem, sem pensar em surpresas na conta bancária com flutuações de câmbio no retorno. Então, para que nada além de fotos se revelem uma surpresa na volta, vale conferir algumas dicas básicas para economizar na viagem:

Brasil1. Viaje pelo Brasil
O Brasil é um país de cenários contrastantes. Tem uma natureza exuberante à disposição dos que preferem o sossego, e cidades incríveis, para os que preferem a badalação. Entre as vantagens de se optar por um roteiro nacional estão as de que gastando em Reais, os preços são compatíveis com a nossa renda e não aparecem surpresas desagradáveis no fim do mês, com as faturas do cartão de crédito em moeda estrangeira!

2. Busque promoções de passagens na internetMuitas vezes sai mais barato viajar de avião do que de ônibus pelo Brasil. Algumas companhias aéreas fazem “promoções-relâmpago” pela internet, com duração de 24 ou 48 horas, cobrando às vezes 10% do valor normal do bilhete por trecho! Um trecho de São Paulo para Curitiba por aerolíneas low cost, podem custar apenas R$ 30. Para quem tem carro, vale colocar todas as despesas no papel antes de definir as férias, porque gastos com combustível, pedágio e estacionamento também podem acabar deixando a viagem ainda mais cara do que indo de avião.

3. Hospede-se em alberguesHá albergues para todos os gostos e bolsos, mas eles são sempre mais econômicos do que os hotéis. Albergues no Rio de Janeiro (www.hostelbookers.com.br), são a melhor alternativa de hospedagem, já que os preços dos hotéis na cidade estão entre os mais caros do país. O Café Rio Hostel, por exemplo, é tão charmoso e descolado, que 100% de seus hóspedes recomendam o lugar. O albergue fica próximo às praias de Copacabana, Ipanema e Leblon e também das opções noturnas do bairro da Lapa, no centro do Rio. E o valor das diárias é a partir de R$ 50 por pessoa. Ficar em albergues em Búzios (www.hostelbookers.com.br) também será uma grata surpresa. Um dos mais famosos é o Nomad Búzios Seashore Hostel, localizado no coração da cidade, de frente para a praia. Entre as facilidades que oferece, quartos privativos ou compartilhados, roupas de cama e toalhas de banho, além de internet e café-da-manhã incluídos nas diárias, a menos de R$ 50 por dia.

4. Procure eventos gratuitosMuitas cidades brasileiras têm entre suas atrações gratuitas, além de praias e parques, eventos culturais, feirinhas de rua, festivais abertos, shows etc. A Feira Literária de Paraty (FLIP) (www.flip.org.br), em julho, é um exemplo de evento de qualidade inquestionável, que reúne pessoas de todo mundo, com muitas de suas atrações gratuitas.

Feira Literária Internacional de Paraty

No Rio de Janeiro, no primeiro sábado de cada mês, é realizada a Feira do Antigo, evento tradicional e gratuito que acontece na Rua do Lavradio. Reúne centenas de pessoas em torno de bares e restaurantes com mesinhas nas calçadas, lojistas e artistas expositores, ao som de shows variados, num ambiente superfestivo. Para acompanhar eventos gratuitos no Rio, uma dica é o blog Misere Vip, que atualiza sempre a agenda cultural da cidade! Da mesma forma que no Rio, a maioria das cidades brasileiras, há blogs, sites patrocinados e mesmo sites governamentais de incentivo ao turismo divulgando suas agendas culturais. E sempre há muitas coisas bacanas de graça, para ver e fazer, anunciadas com antecedência.

5. Economize no transporteQuando as distâncias não forem muito grandes, nada melhor do que calçar um bom par de tênis para explorar a cidade. Mas se o tempo for pequeno, assim como o preparo físico, vale circular de ônibus, metrô, trem… Táxis são sempre mais caros e muitas vezes há serviços de vans e ônibus que cobrem os mesmos percursos, a preços bem menores. Em São Paulo, por exemplo, em vez de tomar um táxi do aeroporto para o centro, que cobra em média R$ 120 a corrida, uma opção é pagar apenas R$ 33 e tomar o ônibus do Airport Service, que leva o passageiro a diferentes pontos da cidade. E algumas companhias aéreas oferecem gratuitamente o serviço de Guarulhos até Congonhas. Se estiver em Paraty, para circular pelo centro histórico só se for a pé ou de bike, mas para explorar a região serrana e as praias, vale utilizar os serviços de vans e mototáxis, legalizados e bastante em conta. Já em Búzios, pode-se circular de barco, ônibus e bike pela cidade. Mas para conhecer a região melhor, o ideal é estar de carro, porque as distâncias são maiores e o transporte público tem horários mais limitados. Alugar um buggy pode ser uma boa alternativa, porque as diárias são mais baratas do que as de um aluguel de um carro padrão.

6. Economize para comer, sem passar fomeIr a restaurantes duas vezes por dia pode acabar com todo a verba da viagem, então é preciso otimizar os recursos para comer bem, sem comprometer a saúde! Quando se está hospedado em um albergue que coloca a cozinha à disposição do hóspede, tudo fica mais fácil e barato. O ideal é fazer compras no mercado e cozinhar as próprias refeições. Mas quando isso não é possível, o viajante pode recorrer aos famosos restaurantes por quilo, muito frequentes nas cidades brasileiras. Em Paraty, por exemplo, o Restaurante da Sabor da Terra (www.paraty.com.br/sabordaterra) foi eleito o melhor self-service da cidade. No cardápio, saladas, pratos quentes, frutos do mar, peixes, carnes, massas, risotos e o grill com churrascos e peixes feitos na hora. É um restaurante de ótima qualidade que custa apenas R$ 23 o quilo! No Rio de Janeiro, a rede de restaurantes por quilo Aipim foi eleita a que oferece a melhor e mais variada comida caseira da cidade. Além de refeições caprichadas a preços acessíveis, a rede faz contínuas promoções e sorteios para manter a clientela satisfeita!

Tendo em mente estas dicas, basta fazer as malas e pedir as férias do trabalho, porque com o dinheiro que sobrar, vai dar até para trazer um presentinho para o chefe quando voltar!

Links externos

www.paraty.com.br
www.flip.org.br
http://blog-pt.hostelbookers.com
www.hostelbookers.com.br


Um Comentario

Valeu pelas dicas que SEMPRE ponho em prática há tempos e repasso aos amigos. Relembrar nunca é demais e conhecer mais um pedaço do nosso Brasil melhor ainda! Itatiaia que me aguarde!!!!!!!!!!

Feito por Magno Barbalho — 24 de junho de 2013 @ 20:51



Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Comente aqui

hoteis-booking





pesquise hotéis

pesquise passagens

videos

onde fica

    veja também

  1. Ofertas de hotéis em Roma
  2. Compras Coletivas – Groupon
  3. Carnaval no Rio de Janeiro 2013
  4. Paris
  5. Dicas de onde se hospedar em Roma

twitter

Me on Google+